OLEO DE GERGELIM OU GIRASSOL PARA LIMPEZA DE MUCOSAS


A mensagem do mestre Yogananda do dia 7 foi tão linda, que quero começar a postagem de hoje com ela, porque é tão bom beber da fonte pura do amor de um mestre tão querido para podermos entrar no astral das boas vibes que nos fazem bem! e fala de hábitos, exatamente como aqui, com a visão amorosa do mestre.

Poder fazer de tudo o que se queira não é o verdadeiro sentido da liberdade de ação.
Você deve examinar até que ponto é livre e até que ponto está sendo influenciado pelos maus hábitos.
Ser bom porque isto se tornou um hábito, também não é ...liberdade.
Ser tentado não é pecado, mas ser capaz de resistir e vencer a tentação é grandeza; isto é liberdade, pois você está agindo somente por livre vontade e livre escolha.
Paramahansa Yogananda, Lições da Self-Realization Fellowship


E agora outro bom hábito aqui partilhado; um assunto que muito me fez bem o ano passado, a rendição aos bons hábitos de saúde, iniciada com a técnica dos bochechos com oleo de girassol, ou gergelim.
O que de inicio parecia um pesadelo, pois sou do tipo que precisa comer assim que abre os olhos, bingo! deu super certo, me trouxe bom resultado em vários sentidos, principalmente de ter mais atitude e assumir responsabilidade pela minha saúde, e ainda por cima perceber que dá para ser feliz antes do café da manhã.
Isso abriu portas para um ano frutifero, com boas pesquisas e práticas saudaveis de baixo custo por respeito para comigo mesma e gestos de amor e carinho para meu ser. E de lá outras bençãos surgiram, pessoas incriveis apareceram trazendo oportunidade de partilhar, nobre motivo por que trago a postagem sobre o óleo publicada ano passado no Multiply, com roupa nova para esta casa. Nada como um ano após o outro...
Espero que possa ajudar mais pessoas, como aconteceu comigo, adotando no coração um bom hábito, outros novos aparecem para completar a mandala.
Namastê!

Já que estamos na vibe da limpeza, purificação e remoção de toxinas para atravessar com mais saúde esse tempo seco e frio do nosso inverno, a hora é boa, pois a terapia do oleo é um tratamento interessante, fácil, muito barato.
Coloquei a familia inteira para bochechar, e todo mundo adorou, só não sei se ainda continuam, eu continuo e recomendo sempre que surge uma oportunidade.
Eu pratico geralmente de manhã, e outras vezes antes do jantar, a hora não fez diferença para mim, mas os resultados sim, noto minhas gengivas muito mais saudáveis, nunca mais tive sangramentos, o hálito ficou ótimo - e eu como alho crú - sinto a boca tão limpinha, e isso é maravilhoso, fora o bem estar geral.
O assunto desta matéria tornou se sequencial, na postagem anterior falei do óleo de gergelim, e um comentário da Carol lá puxou o assunto, voilà.

Antes uma dica esperta da minha médica ayurveda - tim tim:

pode se massagear as gengivas com oleo de gergelim tambem, usando os dedos, independente de se fazer essa técnica de bochechos, com bons resultados, ainda não experimentei, mas já sei que é uma boa idéia, pela fonte de onde veio.

Tem um blog que fala super bem da técnica do óleo, que tem o nome americano de OIL PULLING, o blog se chama Saude Perfeita, e vou reproduzir hoje uma parte da matéria do senhor Rui Fragassi, que li e achei muito interessante.

Para sentir os bons efeitos de tudo isso, é condição sine qua non fazer valer os famosos "3 Ps" paciência, persistência, perseverança, sem isso não rola praticamente nada na vida alternativa, mas quem avança ganha o P de presente, somados aos beneficios no organismo.
Só não vale inserir o P de preguiça porque isso sim é o nosso grande vilão. Xô!

O senhor Rui escreve que.......
Outro exemplo de extração de toxinas corporais, através da mucosa bucal, é o caso do bochecho com óleo de gergelim ou de girassol na boca, conforme minha postagem anterior mostrada abaixo ["Terapia pela Técnica de Extração com Óleo - "Oil Pulling"].
As mucosas são geralmente mais permeáveis do que a pele e, portanto, são os locais mais apropriadas para se conseguir a extração das toxinas presentes no interior do corpo.



Técnica

Bochechar uma colher de sopa de óleo de gergelim ("sesame") ou girassol, durante 15 a 20 minutos, até o óleo ficar bem diluiído na saliva e com cor branca [se o óleo ainda estiver amarelado, você não o bochechou suficiente], com o estômago vazio [antes do café da manhã, ou antes das 3 refeições diárias].
Lavar a boca com água após cuspir fora o óleo.
Não engolir o óleo, que estará cheio de parasitas e bactérias, após o bochecho.
Os óleos devem, de preferência serem não-refinados ("cold pressed").
Não se deve gargarejar o óleo, apenas o movimentar na boca lentamente. Remova pontes e dentaduras antes de começar o gargarejo. Após o gargarejo pode-se comer logo em seguida, sem necessidade de se esperar um certo intervalo de tempo. Apenas os dois tipos de óleo citados [gergelim e girassol] têm dado consistentemente bons resultados.

Como funciona
O óleo extrai os mucos, bactérias e toxinas de seu corpo utilizando sua saliva. De acordo com a Medicina Ayurvédica, o muco é um veneno que deve ser removido de seu corpo.

Comentários
Esta parece ser também uma técnica de cura muito popular na Rússia [Dr. F. Karach]. Como qualquer técnica curativa, pode surgir um certo agravamento de sintomas [crise curativa] antes da cura completa da doença aguda ou crônica. Muitos problemas orgânicos têm sido sanados com esta técnica, tais como: mau hálito, limpeza e clareamento dos dentes, eliminação de inflamações na gengiva (gengivite e periodontite), refixação de dentes moles (com mobilidade), eliminação de febres, gripes e resfriados......LEIA MATERIA COMPLETA AQUI

Notinha de 2014, um comentario me chama a atenção, creio que deve ser lido, e refletirmos sobre o descarte de produtos, no caso aqui o oleo que se cospe!

Obrigado Mafê pela reflexão.
Quem sabe aparece alguem com uma solução para a continuidade dessa prática sem causar mal a população em geral, a gente agradece!!

nota do comentario: Como não contaminar + a água?
O nosso tratamento de água não está preparado para os óleos, por isso quem faz fritura descarta o óleo em recipiente e não na pia.

nota minha: penso que o descarte em recipiente também não serve para essa pratica, porque ele esta repleto de bacterias e toxinas, vai para onde?
Namastê



blog saude perfeita AQUI

imagem oleo Getty/ link
gerglim aqui
girassol aqui

Comentários

rosamaria disse…
oi syl! gostei muuuito dessa limpeza mas tenho dúvidas:
1- não dá ânsia de vômito bochechar óleo? arghhhh...
2- o óleo de girassol pode ser o q uso na minha cozinha, comprado no supermercado?
3- pode ser usado azeite extra virgem?
quero fazer e ensinar meu filho aí de são paulo q já esteve no periodondista ano passado.
bjk! vou aguardar.
sylribeiro disse…
OI, rosamaria!
as minhas dicas são...
nao faça bochecho forte, o site que explica o metodo diz que nao devemos bochechar e sim revolver, o que tem muita diferença ate mesmo por ser oleo.
eu nao senti nada de enjoo, me dei bem de primeira.
mas tem gente que sente enjoo sim. voce tem que experimentar pra ver.
vai com calma, faça o tempo que aguentar.
segundo o site que eu dei o link ai o oleo de girassol de mercado pode ser usado, alias minha mãe usa ele, mas ele mesmo explica que se for organico e prensado a frio melhor, e eu concordo com ele.
diz o mesmo site que os dois unicos oleos que contem essas propriedades sao o de gergelim e o de girassol mas não sei o porque, nao fui a fundo nessa pesquisa sabe, confiei na informação, e depois muita gente tambem fala a mesma coisa.
quando vc for fazer, ou ao seu filho, tenta ler bem as dicas, cuidado para nao engolir! e lembre se de limpar cuidadosamente onde cuspir para nao contaminar pias e outros....o resultado desse liquido que a gente cospe tem um monte de bacteria e outras coisas, justamente porque estamos limpando a nossa mucosa, tirando toxinas da gente.
e lembre se depois de cuspir, lavar a boca muito bem, e boa sorte, se vc for adiante e te fizer bem, vai notar logo nas primeiras vezes!
abraços e valeu!
Allan Barretto disse…
Onde compro o Óleo de Girassol?
Quais são as marcas e tipos de embalagens para localização?

Ajude-me. Só encontro Óleo para massagens.
sylribeiro disse…
Olá, Allan, o oleo de girassol compra no mercado, na sessao dos azeites, a marca Via Pax tem um produto otimo de preço idem.
Nos entrepostos naturais tambem é facil encontrar, como as marcas Vital Altman, Pazzetto, o importante é que não seja refinado. embalagem, sempre em vidro e de preferencia vidro escuro.
Espero ter ajudado; se vc procurar pelo produto na web vai achar em lojas online se na sua região tiver dificuldade.
bom ano.
Olá! Gostei desta dica inusitada do uso do óleo. Blog simpático e construtivo. Parabéns. Voltarei. Um abraço, Paula
sylribeiro disse…
Muito obrigado Paula, essa dica funciona mesmo, precisa um pouco de perseverança, mas em poucos meses vc vê otimos resultados.

Depois do processo inicial onde fiz por muitos meses a fio, hoje eu pratico quando sinto necessidade, mas deveria fazer desta pratica uma rotina, esse é o recomendado.
Preciso de disciplina, rs.
Grande abraço
MaFê Senger disse…
Silvia,

você cospe o óleo onde?
Como não contaminar + a água?
O nosso tratamento de água não está preparado para os óleos, por isso quem faz fritura descarta o óleo em recipiente e não na pia.

Agradecida,
sylribeiro disse…
OI, Mafê! quando eu faço a pratica, em media uma vez a cada dois anos, eu elimino num recipiente, mas no inicio eu eliminava na pia, em seguida jogava agua fervendo e um pouco de cândida.
Infelizmente é isso mesmo, o descarte de produtos na tubulação, seja oleo, medicamentos em geral, homeopatia, pode causar males na população em geral.
Não sei o que te dizer, pois penso que também nao pode ser tratado como um oleo comum mesmo em um recipiente...devido ao alto indice de toxinas que contem, realmente devemos refletir.
Obrigado por esta mensagem, vou chamar a atenção para ela na postagem em uma reedição! abraço
Mas é uma prática muito boa para a saude isso eu nao tenho duvida, uma das melhores que eu ja fiz!